quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Em Pauta: Gatos que Marcaram Minha Vida


Quem me acompanha nas redes sociais sabe que, recentemente, minha família adotou um gato. O que vocês provavelmente não sabem é que eu sempre fui apaixonada por gatos e que estou muito feliz por agora ter um para chamar de meu. O Darwin (sim, foi em homenagem ao Charles Darwin) se adaptou bem a tudo e a única coisa que sabemos fazer atualmente é babá-lo.

Em homenagem a essa mudança na minha vida - ter um pet em casa desregula a sua rotina toda, vai por mim! - fiz uma lista com curtos comentários sobre gatos que me marcaram ao longo da minha vida (mas, em especial, na minha infância). Vamos ver se você lembra de algum?


1.  O Mio dá um tapa na cara de todos que dizem que o cachorro é o amigo do homem, uma vez que é muito leal ao seu dono, Garu. Isto é, quando não está atrás da gatinha Yani. Conhece sete feitiços e os usa para auxiliar Garu em seus treinos.

2. Frajola é um gato que, apesar de ser bem cuidado pela Vovó, insiste em cumprir a cadeia alimentícia ao perseguir o Piu-piu e o ligeirinho. Entretanto, apesar de serem menores, não são nem um pouco indefesos e bobos. É engraçado demais ver o Frajola se dando mal diversas vezes haha

3. Tom diferentemente do Frajola, não cobiça capturar o rato para alimentação própria. Na maioria das vezes, ele procura faze-lo pois o Jerry, muitas vezes, pede para ser perseguido ou eliminado. Mas eles também sabem ser amigos quando se unem em prol de alguma coisa.

4. Acredito que o Garfield seja uns dos mais conhecidos devido as suas tirinhas, o desenho e os filmes. Ele é o gato mais preguiçoso e guloso dessa lista, além de cruel, uma vez que maltrata, muitas vezes, seu companheiro de casa, o cachorro Oddie, e o seu dono, o John. Contudo, suas aventuras sempre foram muito cômicas para mim, independentemente de sua personalidade "insensível".


5. O Gato de Botas me marcou, primeiramente, por ter sido o primeiro gato em animação 3D que eu já vi. Conheci-o através do filme "Shrek" e, infelizmente, não tive a oportunidade de ver o seu filme ainda. Acredito que sua característica mais marcante é aquele "olhar" que deixa todos com o coração mole (que, aliás, meu gato aprendeu a fazer e tá ferrando com a minha vida haha).



6. Lucifer é um dos gatos mais conhecidos pelas meninas. Esse gato é o mais cruel da lista. É o mascote da madrasta da Cinderella e, assim como a sua dona, faz de tudo para transformar a vida da garota em um inferno. Não é a toa que esse é o nome dele...

7. O Gumball já é um gato que não participou da minha infância, mas me diverte muito na minha adolescência devido à produção do Cartoon Network "O Incrível Mundo de Gumball". O desenho tem ele como protagonista e narra, basicamente, a sua vida e as suas aventuras. Marcou-me porque é um dos poucos desenhos que assisto atualmente

8. Por último, mas não menos importante, meu querido Fat Louie! Esse era o primeiro nome de Darwin, mas o pessoal daqui de casa não me deixou batiza-lo assim. Fat Louie é o gato da Mia Thermopólis, a protagonista da série "O Diário da Princesa", da Meg Cabot (diva <3). Ele me marcou, primeiramente, porque os livros dessa saga são os meus favoritos e também porque ele é um gato extremamente companheiro - tanto que você, enquanto lê, vê a Mia relatado várias coisas sobre ele. Enfim, ele é demais.

E aí, o que acharam? Esses gatos também marcaram vocês? Tem mais algum que vocês apreciam e lembram com carinho? Vamos conversar! Um beijo e até o próximo post! 


Sigam o blog nas redes sociais: Facebook, Twitter, Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário