sábado, 30 de janeiro de 2016

{TAG} Crush Literário


Eu amo tags literárias. Acho-as uma ótima maneira de compartilhar nossos gostos literários e, de quebra, conhecer o leitor que acompanhamos na internet. Encontrei essa TAG ontem a noite, vagando pelo Youtube e, por mais que "crush" seja algo "tão 2015", pensei: porque não fazer no blog?. A TAG foi criada e feita originalmente pelo Paulo Ratz, do canal Livraria em Casa (vídeo dele abaixo) - recomendo que veja o vídeo antes de ler o post para entender melhor o processo.
  

Então, vamos aos tópicos? :)

1) "É oficial: fui 100% ignorado pelo crush. Podem me dar meu certificado de trouxa." - Sua maior decepção literária.
  


Não estou falando que ACEDE é horrível - pelo contrário, gostei do livro e sinto vontade de ver o filme baseado na obra todos os dias. No entanto, me decepcionei bastante pois, antes de lê-lo, ouvi e li muito a seu respeito e criei muitas expectativas O livro não chegou a alcança-las muito menos ultrapassa-las e, por isso, foi minha maior decepção literária até agora

2) "Foto do crush como wallpaper do celular: Quem nunca?!" - Livro que tem o modelo mais bonito na capa



Assim como o Paulo, não tenho o que falar sobre esse tópico. Quase nenhum livro meu possuí modelos de capa. Por isso, optei por esse livro, que tem a capa do poster do filme homônimo e que apresenta um "modelo" relativamente famoso: Robert Pattinson.

3) "Tava indo tão bem com o crush, mas aí ele fez um comentário machista. Tadinho." - Livro com um personagem babaca
 
  

Quem conhece a história de Extraordinário, sabe que o protagonista, Auggie, sofre muito preconceito devido as suas feições "tenebrosas". Entretanto, o preconceito de alguns consegue chegar a um nível absurdo - como o do personagem Julian, que é o babaca da vez.

4) "Olha onde cheguei, brigando por causa de crush" - Livro ou autor que alguns não gostam e você defende passionalmente 


  

O Teorema Katherine é, para mim, o melhor livro que John Green escreveu. No entanto, a maioria das pessoas que o lê, fala que o livro é uma porcaria. Isso é uma das coisas que me deixa bem revoltada. A história é muito boa e muito engraçada e defendo Colin, paizinho e Lindsey até o fim! <3

5) "A sua noite já está ruim, dai tudo que você precisa saber é que o seu crush vai transar hoje... turma não tem noção mesmo, não preciso saber disso" - Livro com ótimas descrições dos acontecimentos.


Créditos: Luna e Pluma

Já falei dessa série na TAG Literária das Redes Sociais e vou cita-la novamente. A saga "Os Bridgertons" conta a história de uma das famílias mais influentes e poderosas da Inglaterra. Violet Bridgerton, viúva de Edmund Bridgerton, gerou oito filhos e colocou o nome de cada um baseado na letra que corresponde a sua posição de nascimento (por exemplo: Anthony foi o primeiro a nascer. Por isso, seu nome começa com A, primeira letra do alfabeto). Cada livro da saga narra a aventura de cada um dos filhos de Violet e Edmund em busca de um amor tão forte e profundo que seus pais tiveram, mas também, mostra como cada personagem precisa lidar com seus "demônios interiores" para viver feliz. É uma série muito boa - a favorita do momento - e preciso dizer que Julia Quinn detalha muito as cenas (principalmente as cenas mais íntimas dos casais protagonistas).

6) "Fui curtir uma foto antiga do crush pra ele se tocar que to STALKING, mas percebi que já tinha curtido tudo. Não sei lidar." - Autor que você já leu todos, ou a maioria dos livros publicados. 



Essa autora com certeza é a Meg Cabot. Foi através dela que eu aprofundei no mundo da leitura e me tornei a leitora que sou hoje. Já li todos os livros da série "O Diário da Princesa", inclusive os complementares, os dois primeiros da série "Cabeça de Vento", o primeiro da série "Abandono" e os três dos cinco da série "Tamanho 42 não é Gorda", o que totaliza dezenove livros - e esse número tende a aumentar, já que uma das 101 coisas da minha lista do projeto "101 em 1001" é ler todos os livros que a Meg publicou. 

7) "Você vê que o nível tá critico quando tu procura o nome do crush na busca do twitter mesmo sabendo que ele não tem twitter" - Livro que você está ansioso pelo lançamento.


Acredito que esse livro já foi lançado, mas não penso em outro para colocar aqui. Esse é o sétimo livro da saga já citada no tópico 5. Estou louca para ver o desenrolar da história dos Bridgertons - em especial, da Hyacinth, que está protagonizando esse livro.

8) "O pior de mandar mensagem bêbado pro crush é que ele responde e NÃO TEM ASSUNTO" - Livro que você comprou por impulso e ainda não leu 




Ganhei esse livro de presente de aniversário há pouco mais de dois anos. A pessoa que o me deu não escolheu o livro. Ela só me deu o dinheiro e eu ia escolher o que queria. Na época, a livraria da cidade estava vendendo uma coleção muito bonita de livros da Jane Austen. Juntei minha vontade de ler os livros dela com a beleza da coleção e com o dinheiro que tinha e fui até a livraria. Chegando lá, o livro que queria - Orgulho e Preconceito - havia esgotado. E aí, só para não ficar de mãos abanando, resolvi pegar "Razão e Sensibilidade". Até hoje não peguei nele porque não era esse que eu estava "louca" para ler.

9) "O que a gente faz quando o crush corresponde? Nunca cheguei nessa fase do jogo e estou perdido!" - Livro que excedeu as expectativas que já eram altas. 


Tratando-se de Meg Cabot, minhas expectativas se quadruplicam em relação ao normal. Quando li esse livro, já havia lido todos os livros já publicados da saga "O Diário da Princesa" e, por isso, sempre tive uma ótima visão da escrita da Meg. Por isso, fui cheia de esperanças e o livro não me decepcionou nem um pouco. Você não cansa de ser perfeita, Meg?

10) "E quando até ler crush te dá preguiça?" - Livro que você tem há muito tempo e ainda não leu.




Há cerca de três anos comprei esse livro e comecei a lê-lo. Após ler 150 páginas dele, resolvi ver a série em paralelo com a leitura. Digamos que isso não deu muito certo. Chegou um momento que a minha mente começou a não compreender mais a história - são muitos personagens e acontecimentos paralelos - e aí nunca mais toquei nele. Apesar disso, pretendo terminar de lê-lo esse ano.

E aí, o que acharam da TAG? Gostaram? Sentiram vontade de fazer? Então sintam-se tagueados! Queria indicar a Bia, do Pepper Lipstick, para responder essa TAG - caso ela queira, obviamente. Enfim, um beijo e até o próximo post! :)

2 comentários:

  1. Adorei a tag e já salvei para ler! O problema de tags literárias é que conheço mais livros e eles entram para a minha listinha infinitas de compra. Estou mega ansiosa para começar a ler os livros da Jane Austin, ouço falar muito bem deles!
    Beijo grande,
    http://cafevodkaeliteratura.blogspot.com.br/2016/01/musicas-do-mes-janeiro.html

    ResponderExcluir
  2. hahaha Maria acho que esse foi o meu post preferido seu, apesar de que não consegui escolher ainda meu preferido kkkkk.
    Aliviada que alguém concorde comigo que A culpa é das estrelas foi uma decepção, porque convenhamos a historia te emociona mas deixa a desejar tanto o livro quanto o filme.
    Dos outros que foram citados só li O Teorema Katherine e não é que não gostei mas não me apaixonei por ele sabe.... kkkk
    Beijinhos Maria....Adoro tudo que você escreve.

    ResponderExcluir